TI é a profissão que mais cresce na Austrália.

Profissionais da América Latina, especialmente do Brasil, da área de tecnologia da informação, estão cada vez mais no radar das empresas australianas.

A contratação de profissionais brasileiros qualificados na área de TI tem crescido nos últimos anos na Austrália.

A razão da procura por profissionais brasileiros que queiram trabalhar na Austrália são muitas. Uma delas é a “sede” que a Austrália tem de encontrar profissionais qualificados para suprir a demanda por mão de obra no país.

A área de TI é um campo em amplo crescimento e os profissionais locais não são suficientes para preencher todas as vagas que o mercado oferece.

Segundo o site, outro motivo para a alta demanda no mercado de TI no “país dos cangurus” seria o fato de as empresas buscarem automatizar seus sistemas de integração, além de investirem cada vez mais em tecnologia de nuvem.

E o que faz os profissionais brasileiros serem tão atrativos para estas empresas? Em tese, a oportunidade de trabalhar com grandes empresas e usar as tecnologias mais inovadoras fariam com que trabalhadores estrangeiros mostrassem grande comprometimento e entregassem ótimos resultados.

Não são poucos os profissionais brasileiros na área de TI que gostariam de seguir uma carreira internacional e trabalhar na Austrália. Além dos Estados Unidos e Europa, aos poucos a Austrália vem se tornando um foco para estes profissionais.

Antes de iniciar o processo de imigração para trabalhar na Austrália, é de fundamental importância contar com uma agência imigratória especializada e que seja devidamente registrada junto ao governo australiano para cuidar do seu processo de obtenção do visto.

O objetivo da agência é fazer a pessoa ganhar tempo, já que o processo é demorado e requer conhecimento da legislação australiana, listas de profissões e demais regras do país. “Orientamos que a pessoa faça uma avaliação de elegibilidade do visto para saber se está apta para entrar com o processo na categoria desejada e evitar perdas financeiras. O consultor a ajudará a iniciar o requerimento de visto corretamente, aumentando as chances de sucesso”, recomenda o diretor da M.Quality. 

Kelly Martins Cabral

Assuntos relacionados:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>