Certificação compulsória de lâmpadas LED passa a valer oficialmente

Desde março de 2015, fabricantes e importadores de lâmpadas LED vivem a necessidade de provar que seus produtos são eficientes e confiáveis. Após a publicação da portaria 144/2015 do Inmetro, que estabeleceu um prazo de 9 meses para certificação compulsória dos produtos, uma corrida contra o tempo foi travada pelas principais empresas do segmento. Terminado o prazo, apenas três empresas conseguiram ter seusprodutos certificados: Intral, Osram e Philips.

No final de dezembro, o Inmetro lançou a Portaria 599/2015  em consulta pública, sugerindo a postergação do prazo por dois meses. Nenhuma informação oficial entretanto foi lançada até 24 de fevereiro de 2016, quando foi publicada a Portaria 76/2016. Até esta data, apenas cinco empresas haviam conseguido obter a certificação para suas lâmpadas, adicionalmente as três anteriores, a GE e a FLC. Nota-se, porém, que não necessariamente todos os modelos destas empresas estão certificados. Para saber quais produtos e marcas possuem a certificação do Inmetro, recomenda-se consultar o site do instituto, que apresenta a lista completa.

(Texto original de: Juliana Iwashita)

Tássia Tieko Murasawa

Assuntos relacionados:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>